O uso do laser (lipo laser) no auxílio à remoção de gordura nas lipoaspirações e lipoesculturas já está bem estabelecido, facilitando o trabalho do cirurgião, reduzindo equimoses (hematomas cirúrgicos) e minimizando a dor pós-operatória. Muito se discute, ainda, se a lipo laser reduz a flacidez da pele, o que seria um benefício extra, especialmente em áreas de maior risco de flacidez pós-lipo, como face interna das coxas, braços e abdome.

Um trabalho coreano¹, publicado em junho de 2014, na revista Aesthetic Plastic Surgery, aponta um aumento da espessura da pele três meses após o tratamento com lipo laser e reforça a observação na prática médica de que esse tratamento pode ser indicado não apenas para facilitar a retirada da gordura como também na prevenção e tratamento da flacidez de pele. Por outro lado, um trabalho publicado em 2003, por equipe brasileira, na mesma revista científica, já evidenciava resultados semelhantes aos da lipo laser com o uso de lipoaspiração associada a ultra-som².

É importante ressaltar que pacientes que apresentam grande flacidez de pele, como é o caso de mulheres que já tiveram filhos ou pacientes submetidos a cirurgia bariátrica (redução de estômago), devem ser submetidos a tratamentos que envolvam a retirada da derme redundante, como é o caso da Abdominoplastia (plástica do abdome).

1 - The Skin-Tightening Effects of 1,444-nm Nd:YAG Laser on Human Skin: An In Vivo Study. Kyung Hee Min1, Ji Hoon Kim2, Hyo Jin Park3, Heung Soo Chung4 and Chan Yeong Heo2

2 -Ultrasound-assisted liposuction: an analysis of 348 cases. Graf R, Auersvald A, Damasio RC, Rippel R, de Araújo LR, Bigarelli LH, Franck CL. Aesthetic Plast Surg. 2003 Mar-Apr;27(2):146-53.Dr. Thiago Degani Dumont