Com o passar dos anos as estruturas ao redor dos olhos se modificam e, por mais que a mulher se cuide, é difícil evitar a queda gradativa das pálpebras, deixando o olhar com um aspecto triste e cansado. Esse incômodo pode ser retirado através da blefaroplastia, também conhecida como cirurgia da pálpebra.

Como funciona a blefaroplastia?

Esse aspecto cansado acontece devido ao excesso de pele e de gordura das pálpebras, que em alguns casos podem até prejudicar o campo da visão. A blefaroplastia é o procedimento indicado para corrigir essas imperfeições, retirando o excesso de pele das pálpebras superiores e as bolsas gordurosas, que podem estar presentes tanto nas pálpebras superiores como nas inferiores. O resultado é o rejuvenescimento do olhar, trazendo de volta o aspecto jovial de anos atrás.

A blefaroplastia corrige as rugas?

É importante ressaltar que a blefaroplastia, ou cirurgia de pálpebra, não corrige rugas nem os famosos “pés de galinha”. Para esses casos é possível a combinação com o facelift (cirurgia de rejuvenescimento facial) ou com o botox (toxina butolínica).

Como são as cicatrizes da cirurgia da pálpebra?

Normalmente a cirurgia não é muito dolorosa e a região da face é a parte do corpo que apresenta melhor cicatrização. As marcas são discretas e nada interferem no aspecto natural do rosto, sendo a da pálpebra superior imperceptível com os olhos abertos. Já na pálpebra inferior, fica bem perto da linha dos cílios.

Seja por questões estéticas ou de saúde, o procedimento deve sempre proporcionar um aspecto saudável e harmônico em cada rosto. A cirurgia das pálpebras em BH pode ser realizada com a Tempo Cirurgia Plástica.