A lipoaspiração é uma das cirurgias plásticas mais conhecidas e também uma das mais comentadas. Porém, muitas vezes o excesso de informação pode acabar gerando mais dúvidas. Confira os mitos e verdades sobre os processos da lipo.

Lipoaspiração e Lipoescultura são a mesma coisa.

Mito. A lipoaspiração tem o objetivo de retirar a gordura localizada por meio da sua aspiração. Já a lipoescultura possibilita, além da aspiração, o enxerto da gordura em outras áreas para remodelar o contorno corporal.

A lipo retira os pneuzinhos.

Verdade. Os pneuzinhos são acúmulos de gordura que, na maioria das vezes, são extremamente difíceis de eliminar de formas convencionais.

Lipo emagrece.

Mito. A lipoaspiração pode sim reduzir as medidas. Porém, é indicada somente para retirar a gordura localizada, não para o emagrecimento. A retirada máxima de gordura estabelecida pelo Conselho Regional de Medicina (CRM) é de até 7% do peso da paciente.

A lipo pode ser feita em várias partes do corpo.

Verdade. A lipoaspiração pode ser feita em diversas parte do corpo que apresentam a gordura localizada, como: abdômen, flancos, dorso do tórax, culotes, face interna das coxas, joelhos e braços. Para a combinação entre várias áreas, pode ser necessário dividir a cirurgia em duas ou três etapas.

As cicatrizes da lipo são pequenas.

Verdade. Em geral, as cicatrizes da lipoaspiração são pequenas e em regiões do corpo de difícil visualização.

E-book Cirurgias do contorno corporal

A pessoa nunca mais engorda após a cirurgia.

Mito. Se a paciente não cuidar da manutenção do seu peso, a gordura localizada pode voltar a aparecer. O ideal é manter os resultados através da combinação de uma alimentação balanceada com a prática de exercícios físicos.

Tire as suas dúvidas sobre a lipoaspiração e outros procedimentos cirúrgicos, em BH, com a Tempo Cirurgia Plástica.