A  equipe Tempo Cirurgia Plástica  procura sempre se manter atualizada cientificamente para oferecer o que há de mais moderno e eficiente nos cuidados de seus pacientes. E um dos procedimentos que temos muito cuidado é no processo de cicatrização das cirurgias. Veja como são nossos procedimentos.

Nossa rotina de curativos para cirurgias da mama e do contorno corporal é a seguinte: primeiramente a cicatriz deve permanecer coberta por curativo com gaze e sem ser molhada por 24h. A partir de então o curativo com gaze é trocado diariamente após o banho até que a cicatriz esteja sem crostas e completamente fechada. Isso acontece entre 2 e 10 dias. A partir de então o curativo passa a ser feiro apenas com micropore colado direto sobre a cicatriz e trocado uma vez por semana. Ele pode ser molhado normalmente e deve ser secado e limpo com álcool após o banho. Esse tipo de curativo, apenas com micropore, é o único tratamento para a cicatriz até três meses após a operação.

A partir de três meses não é mais necessário o uso de curativos e inicia-se o uso de cremes. Entre 3 e 6 meses a cicatriz tende a ficar vermelha, endurecida ou escura. Nessa fase, cada pessoa precisa de um tratamento específico para a cicatriz.

A Equipe Tempo Cirurgia Plástica prescreve cremes para a fase de 3 a 6 meses e depois outro tipo de creme para a fase de 6 meses a 1 ano. A escolha desses tratamentos é individualizada e feita mediante exame clínico. Atualmente temos introduzido outro tratamento para as cicatrizes pós-operatórias: o laser. Esta opção terapêutica está indicada especialmente para cicatrizes muito avermelhadas e hipertróficas que não respondem bem aos outros tratamentos de rotina.

Preferencialmente usa-se o Nd:YAG por alcançar camadas mais profundas da derme, sendo mais efetivo em doenças vasculares como cicatriz hipertrófica e quelóide, como demonstrado por Koike e cols. em artigo1 disponível neste blog.

Referência bibliográfica: 1 – Reconstr Surg Glob Open. 2015 Jan 8;2(12):e272. doi: 10.1097/GOX.0000000000000231. eCollection 2014. Nd:YAG Laser Treatment for Keloids and Hypertrophic Scars: An Analysis of 102 Cases. Koike S1, Akaishi S1, Nagashima Y1, Dohi T1, Hyakusoku H1, Ogawa R1.