Desde a antiguidade as tatuagens fazem parte da cultura de diferentes civilizações. Múmias egípcias que datam de 2000 a.C. apresentam tatuagens em seus corpos. A simbologia das tatuagens varia nos diversos povos e culturas, podendo representar crença religiosa, amuleto, adorno, status social ou mesmo uma forma de punição. As técnicas mais antigas descritas para remover tatuagens datam de 543 a.C., na Grécia, através de abrasão, aplicação de sais e produtos químicos.

Atualmente as tatuagens podem ser compreendidas em cinco categorias. As profissionais são realizadas com aparelho de agulha vibratória, contendo múltiplas opções de cores; as amadoras utilizam agulhas ou máquinas improvisadas com tinta geralmente de caneta, carvão ou fuligem; as cosméticas tiveram um aumento expressivo nos últimos anos e são realizadas nas sobrancelhas, no contorno dos lábios, na reconstrução da auréola mamária, entre outros. As tatuagens traumáticas são consequência de acidentes com asfalto ou explosão, em que materiais como asfalto ou pólvora penetram na pele e conferem coloração preta ou azulada. As tatuagens médicas são utilizadas em protocolos de tratamento com radioterapia.

A remoção das tatuagens profissionais evoluiu muito nos últimos anos com o desenvolvimento dos lasers Q-Switched. Esse laser consegue destruir ou fragmentar o pigmento alvo, que depois será fagocitado (englobado e digerido) pelas células de defesa do organismo e carregado via sistema linfático. A Tempo Cirurgia Plástica dispõe do laser Nd:Yag Q-Switched 1064nm para remoção de tatuagens, tendo este a vantagem de maior segurança em peles morenas. Também dispomos do laser Nd:Yag Q-Switched 532nm, para mais indicado para pigmentos vermelhos e verdes. Se você tem uma tatuagem que deseja remover, nós podemos te ajudar.

Apesar da evolução do laser, o processo de remoção das tatuagens pode ser demorado e passível de complicações como diferenças na tonalidade da pele ou mesmo cicatrizes. Algumas cores costumam ser mais resistentes ao tratamento, como o amarelo, o laranja e o branco, sendo necessário, nesses casos, maior número de sessões ou associação com laser ablativo ou mesmo cirurgia. O número de sessões necessárias depende do tempo da tatuagem, se é amadora ou profissional, do tipo de cor utilizada e profundidade em que o pigmento foi depositado na pele.

Bibliografia:

1- http://www.smithsonianmag.com/history-archaeology/tattoo.html

2- Manchester G. Tattoo removal. A new simple technique. Calif Med. 1973;118(3):10-2.

3- Carla Gregório Barbosa de Oliveira; Simão Cohen; Valter Alves Remoção de tatuagens com laser: revisão de literatura.