O cuidado com a pele do pescoço e do colo infelizmente ainda é esquecido pela maioria das pessoas. A exposição solar crônica nesses locais ocasiona alterações na tonalidade e na espessura da pele, com surgimento de pequenos vasos sanguíneos e manchas. A idade também predispõe ao aumento de flacidez, além de fazer surgir rugas horizontais no pescoço e linhas verticais no colo.

O tratamento das lesões pigmentares e vasculares pode ser realizado com luz intensa pulsada, associada ou não a peelings ou microagulhamento. Em geral, indicam-se 3 a 5 sessões com intervalo de 30 dias.

Uma boa opção para tratamento da flacidez é a aplicação de ácido polilático (de nome comercial Sculptra), que estimula as células produtoras de colágeno do nosso organismo a aumentarem a produção dessa proteína, melhorando a firmeza da pele. São indicadas no mínimo duas sessões, a depender da idade e do grau de flacidez. Em casos avançados de flacidez, indica-se cirurgia plástica e não o tratamento com ácido polilático.

As linhas do pescoço e do colo, já marcadas no repouso, podem ser tratadas com ácido hialurônico. O produto aumenta a hidratação da pele, amenizando a linha da ruga. Também é realizado em 2 ou 3 sessões, com intervalo de 30 dias, e o efeito dura de 6 a 9 meses na maioria das pessoas tratadas.

Para prevenir o envelhecimento do pescoço e do colo, proteja a pele com roupas adequadas ou use protetor solar quando a região estiver exposta ao sol. Essa proteção deve começar na infância, pois o dano é cumulativo e surge décadas após a exposição.

Caso deseje tratar e rejuvenescer a pele do colo e pescoço, procure um dermatologista de confiança. A avaliação médica é essencial para correta indicação dos procedimentos e isso com certeza se refletirá nos resultados.

Para agendar a sua consulta, entre em contato pelo WhatsApp (31) 99968-6444 ou ligue (31) 3658-6444.